Informações básicas

folha de soja atacada pela ferrugem asiática

Nome científico: Phakopsora pachyrhizi

Outros nomes: Ferrugem asiática, Ferrugem-da-soja

Dano: Doença agressiva, que causa lesões nas folhas, acarretando a senescência prematura das folhas e a diminuição do peso dos grãos.

Importância do alvo

As primeiras ocorrências da ferrugem asiática no Brasil ocorrem na safra 2001/2002. A partir de então ela tornou-se uma das principais doenças da cultura da soja. Extremamente agressiva, ela é causada pelo fungo Phakopsora pachyrhizi, que muda de maneira rápida e se adapta facilmente, tornando-se mais resistente.

A facilidade de dispersão dos esporos do fungo facilita a proliferação da doença, que não respeita fronteira agrícola. Com isso, regiões que a epidemia mais cedo podem influenciar áreas que cultivam a soja mais tarde.

Dados da consultoria Kleffmann sobre a safra 2018/19 mostra que os produtores estão cada vez mais atentos ao problema. Isso porque o percentual de adoção de preventivos foi 12,6% superior à safra anterior.

O manejo preventivo é uma importante ferramenta, para isso, indica-se o uso de fungicidas multissítios protetores para aumentar a eficácia dos fungicidas específicos. Além disso, o agricultor deve escolher cultivares mais resistentes ao fungo, respeita o vazio sanitário de semeadura e elaborar um calendário de aplicações para manter a proteção fúngica na folha.

danos da ferrugem asiática na folha de soja

Ciclo de desenvolvimento da ferrugem asiática

Fungicidas protetores no manejo da ferrugem asiática

Culturas que a ferrugem asiática ataca

Soja
Soja
Trigo
Trigo

Dicas de Manejo

Veja nos vídeos abaixo o bate-papo com o  pesquisador da Fudação MS, José Fernando Jurca Grigolli, sobre a importância dos fungicidas multissítios específicos no manejo preventivo da doença.

Dicas de Manejo

O fungicida multissítio Nillus® é a solução da Ourofino Agrociência para o manejo preventivo da ferrugem asiática. Veja no vídeo abaixo os testes realizados com o fungicida protetor Nillus® para avaliar a interação do ingrediente ativo puro com uma calda de pulverização, bem como a capacidade de dispersão na água, formação de espuma e desempenho na superfície tratada.

Produtos para controle

Eleve®

Culturas:
Algodão |Arroz |Café |Citrus |Milho |Soja |Tomate |Trigo |
Ingredientes Ativos:
Mancozebe 800 g/kg

Nillus®

Culturas:
Amendoim |Arroz |Batata |Citrus |Feijão |Soja |Tomate |Trigo |
Ingredientes Ativos:
Clorotalonil 500 g/L